Blog: Negócios

As 9 maiores mentiras sobre Lojas Virtuais e E-commerces
e-max.it, posizionamento sui motori

O E-commerce no Brasil é um mercado que vem crescendo muito nos últimos anos. A evolução da tecnologia, a popularização da internet, a capacidade de consumo e facilidade de ter a sua própria loja virtual são motivos para que esse mercado cresça cada vez mais.

É muito comum quando um mercado como o de Lojas Virtuais tem bons resultados, as pessoas acabem tendo noções erradas do que é esse mercado de verdade.

Seja por puro senso comum ou ainda influência de alguma empresa ou especialista, os novos empreendedores do e-commerce acabam tomando decisões baseadas na ganância de ganhar exorbitantes quantias de dinheiro sem muito trabalho.

Existem aqueles que acabam acreditando em mentiras por medo de investir em uma loja virtual e não obter retorno algum, mesmo existindo pesquisa de empresas sérias que confirmam o potencial do e-commerce.

Hoje é o dia 1º de Abril onde “comemoramos” o Dia da Mentira e nada melhor do que um post temático para ficarmos longe das mentiras que assolam o E-commerce no Brasil.

1º Mentira – É um negócio fácil e simples

Muitas pessoas têm a ilusão de que basta colocar a sua loja virtual no ar e esperar que as primeiras vendas aconteçam. Bem que poderia ser assim, mas a verdade é que o trabalho começa quando a loja estiver no ar.

Para que os clientes cheguem até sua loja virtual será necessário trabalhar o Marketing Digital, com redes sociais, SEO, blog e anúncios. Além disso você terá que administrar as entradas e saídas de dinheiro, bem como analisar mudanças no mercado e comportamento dos concorrentes.

Por isso, caso você esteja sozinho e seja um lojista de primeira viagem é recomendado começar em um marketplace e não por uma loja virtual, visto que é uma opção mais barata com menores riscos de prejuízo caso seu produto não venda bem.

Ainda existe a opção de contratar funcionários e até mesmo uma agência para operar nas áreas que você não possui domínio, mas nesse caso é necessário possuir fluxo contínuo em caixa para pagar os valores.

2º Mentira – É um negócio de dinheiro fácil

Outra mentira que é muito contada por aí é que Lojas Virtuais geram dinheiro fácil. As pessoas que contam essa mentira se baseiam no fato de que lojas virtuais possuem muito potencial de crescimento.

O fato de que lojas virtuais tenham o potencial de dar muito dinheiro não significa que esse dinheiro será fácil. Como já citado antes, para fazer com que sua loja virtual cresça será necessário trabalhar outras áreas.

Você deve ter visto o caso Bettina nas últimas semanas, que afirmou quem em 3 anos multiplicou seus ganhos de R$1.500 para mais de 1 milhão. Tudo que é bom demais para ser verdade acaba sendo questionado e tanto o Procon como o Conar entraram  com ações para questionar a propaganda.

Tome muito cuidado com esse tipo de história fantástica que prometem muito dinheiro em pouco tempo, ainda mais se a pessoa não disser claramente como fez isso.

3º Mentira - É possível crescer com Dropshipping

Dropshipping é um modelo de E-commerce no qual você trabalha de forma integrada com o fornecedor do seu produto. O processo acontece do seguinte modo:

  1. Um cliente compra um produto em sua loja virtual ou marketplace;
  2. O pedido é enviado, de forma automática ou manual para o fornecedor do produto;
  3. Você receberá do fornecedor o resultado da diferença entre o preço do produto na sua loja e o preço de fábrica do fornecedor;
  4. O fornecedor enviará o produto para o cliente;
  5. Caso o cliente queira devolver o produto, o próprio fornecedor fará o processo de logística reversa, porém será você que terá o contato com o cliente;

Parece promissor não? Todo o custo que você teria com estoque e compra de produtos é eliminado, mas há um problema: Dropshipping não é um modelo de negócio no qual você poderá ter uma loja grande.

No Brasil nenhuma das maiores lojas virtuais são Dropshipping e isso acontece porque o Dropshipping tem suas limitações operacionais, como dependência de estoque do fornecedor e riscos de baixa reputação em processos logísticos (entregas e devoluções de produto).

Essa modalidade é muito legal para quem está começando, porém em algum momento será necessário abandoná-la para crescer.

4º Mentira – É possível crescer com uma loja virtual grátis

A escolha da plataforma CMS certa para sua loja virtual é muito importante para que você consiga atingir os resultados desejados. Algumas plataformas CMS oferecem um plano gratuito para que você crie sua loja.

Para quem está começando esses planos são no máximo mediano, mas lembre-se: você não está pagando nada, então já é algo.

O problema é quando as pessoas começam a acreditar que é possível crescer com um plano gratuito e isso não poderia estar mais longe da verdade.

As maiores lojas do Brasil oferecem um grau de personalização e interação ao cliente muito superiores aquelas que os planos gratuitos oferecem.

Além disso, muito desses planos limitam a quantidade de vendas mensais que você pode efetuar, ou seja, com o crescimento da loja será necessário contratar um plano pago para garantir que clientes não fiquem sem seu produto.

5º Mentira - É possível crescer sem contratar funcionários

É totalmente possível iniciar uma loja virtual sozinho, mas chegará um momento em que você terá que delegar funções, ou seja, contratar funcionários.

Muitas pessoas têm a ilusão de que farão sua loja virtual crescer apenas com seu próprio esforço e é justamente esse pensamento que faz com que a loja cometa vários erros com clientes.

Nós, felizmente, não somos robôs, mas sim pessoas com família, amigos, hobbies e sonhos. Quando estamos descansados e realizados conseguimos trabalhar melhor.

É muito provável que se você começar o seu próprio negócio será necessário dedicar alguma parte do seu tempo livre para isso, mas com o crescer da loja virtual é importante contratar funcionários para não comprometer sua saúde.

6º Mentira – Não é preciso contratar funcionários especializados

A ideia de que qualquer pessoa possa ser contratada para operar um E-commerce é derivada da 1º mentira citada nesse texto: achar que E-commerce é um negócio fácil e simples.

Quanto mais você crescer, maior será a necessidade de contratar pessoas que trabalharão nos setores de E-commerce, tais como: marketing, administração, financeiro, atendimento ao cliente, entre outros.

Além das habilidades técnicas e intelectuais, é importante que esses funcionários sejam comprometidos e pró-ativos, pois quanto maior o negócio, mais problemas surgirão.

É óbvio que para isso você precisará desembolsar mais dinheiro para pagar salários maiores, em compensação você evitará muitas dores de cabeça.

7º Mentira - Meu público não compra pela internet

Dizer que lojas virtuais não funcionam para determinado público é um autoengano muito comum entre lojistas que possuem um público com um pouco mais de idade.

A ideia de que comprar pela internet é coisa de jovem é equivocada. Segundo o relatório Webshoppers produzido pela ebit/nielsen, 66% das compras na internet em 2018 foram feitas por pessoas com mais de 35 anos sendo que 29% possuem mais de 50 anos.

as 9 maiores mentiras sobre ter uma loja virtual imagem publico

Pessoas de mais idade possuem mais segurança financeira que jovens em idade universitária e adultos que possuem filhos pequenos e por isso compram mais pela internet.

8º Mentira - Loja Virtual não funciona para meu produto

Hoje em dia é possível vender tudo que seja permitido por lei através da internet, inclusive já existem até mesmo lojas virtuais de alimentos perecíveis, um ramo que até algum tempo atrás era considerado inimaginável no E-commerce.

Muitas pessoas duvidaram do potencial do mercado de moda para E-commerces. Na década passada, ninguém conseguia imaginar que seria possível comprar roupas pela internet sem prová-las antes.

Segundo o relatório Webshoppers, o mercado de moda é o segundo maior no E-commerce brasileiro em volume de pedidos, seguindo na cola o mercado de cosméticos e perfumaria.

as 9 maiores mentiras sobre ter uma loja virtual imagem moda

Então em vez de se questionar se o seu produto pode ser vendido pela internet, analise como vender o seu produto pela internet.

9º Mentira - O E-commerce é inviável no Brasil

Essa é a mentira mais descarada de todas, visto que o E-commerce cresce em ritmo acelerado no Brasil. Segundo o relatório Webshoppers, o E-commerce brasileiro faturou 53,4 bilhões de reais em 2018, um aumento de 12% em relação ao ano anterior.

as 9 maiores mentiras sobre ter uma loja virtual imagem crescimento

Existem diversos motivos pelos quais as pessoas afirmam que o E-commerce é algo que não vale a pena no Brasil, como a qualidade de serviço dos correios, o alto preço do frete, a qualidade da malha rodoviária, os altos impostos, a crise econômica, etc.

Por mais que essas dificuldades sejam reais, ainda assim não dá pra cair no senso de comum de que o E-commerce é uma atividade que não vale a pena no Brasil, visto que os dados apontam justamente o contrário.

Conclusão

Lembra quando nossos pais diziam para não confiarmos em estranhos? Esse conselho também vale para aquilo que você lê ou recebe pela internet.

O pensamento crítico é muito importante para que você tome as melhores decisões em relação a sua loja virtual.

Se você deseja ter a sua própria loja virtual não deixe de baixar o nosso e-book gratuito 6 passos para criar sua loja virtual!

Abaixo você confere nossa postagem como infográfico.

as 9 maiores mentiras sobre ter uma loja virtual infografico

Gostou desse conteúdo? Ajude-nos compartilhando!


Posts Relacionados:


VR SYS Agência Digital - Todos Direitos Reservados © - 2019